Top

O Poder Do Perdão

pedão

O Poder Do Perdão

Incontáveis situações diariamente acometem incontáveis pessoas que sofrem algum tipo de trauma, traição, aborrecimento, e colecionam mágoas, ressentimentos, raiva, dores, situações imperdoáveis. E vem aquela frase : “Eu nunca vou perdoar!”. O organismo percebe aquele sentimento, aquela dor emocional e cria um registro celular naquele momento. Pronto, à partir disso a vida toma outro rumo. Ainda existe a dor em aceitar que o outro nada tem haver com receber ou não o perdão. A única responsabilidade de se livrar dos sentimentos enraizados à palavra perdão, é da própria pessoa que diz nunca mais perdoar.

Esse assunto pode ser considerado TABU, pois as pessoas não querem falar das feridas que nunca foram cicatrizadas, dos sentimentos guardados e revividos todos os dias através de um envenenamento lento e doloroso até o seu último suspiro, com um sentimento de tortura, auto flagelação.

” O perdão elimina a conexão entre estresse e doença.” Frase dita por um professor americano de psicologia durante um estudo realizado sobre a importância do perdão para a saúde física e mental que foi publicado no periódico científico Psychology Journal of Health na Luther College.

Ele afirma após estudo de casos, que as pessoas que mais perdoavam, mesmo passando por inúmeras situações de estresse, tinham menor comprometimento na saúde física e mental do que àquelas que não perdoavam.

As pessoas que não perdoam se sentem humilhadas, que ficarão expostas se perdoarem, mas não percebem que este ato nada tem haver com a pessoa a ser perdoada, mas sim, um auto conhecimento e liberação do próprio ego, uma aceitação de que suas expectativas não foram atingidas em uma determinada situação. O perdão não vai gerar efeito direto na vida da outra pessoa, mas vai mudar completamente a direção da vida de quem perdoa.

Quem não perdoa, carrega e alimenta sentimentos de rejeição, depressão, rancor, mágoa, ódio, cansaço, injustiça, sentimentos que podem ser atribuídos erroneamente ao estresse. Elas sofrem sozinhas, ora se afastam do meio social, de novas pessoas e oportunidades, com receio de sofrerem novamente; ora fingem ser demasiadamente felizes perante os amigos, familiares, e no trabalho, mas internamente estão destruídas, dilaceradas, sentindo uma facada a cada instante ao relembrar daquela pessoa e situação. O que deixam de perceber que o mal está continuamente sendo causada para ela mesma. É uma auto destruição para o organismo, para as suas células, adquirindo doenças como câncer, gastrite, enxaqueca, cólicas, doenças de pele, depressão, que podem ser mascarados pelos sintomas causados pelo estresse.

Você já ouviu falar em câncer no coração? Simbolicamente o coração é o órgão responsável pelo maior e mais belo sentimento, o AMOR, e ligado diretamente ao perdão. Não há espaço em um mesmo local para dois sentimentos tão distintos, o ÓDIO, e o AMOR. Porque a pessoa pode ter esse sentimento e pensamento de não perdoar, mas em alguns instantes da sua vida, ele sente amor e muitas vezes de forma exagerada por outras pessoas, como forma de fuga. Mas o sentimento de Amor ali está, no coração, esperando um disparo para agir sobre a pessoa.

O auto conhecimento, a limpeza desse sentimento marcado nas suas células pode ser doloroso, mas fundamental para uma vida saudável. Esse disparo pode ser dado pela Microfisioterapia que ajuda nesse processo de limpeza da memória celular, e vai de encontro com a situação vivida, eliminando as consequências causadas pelo sentimento de não perdoar. Não é o suficiente para gerar o perdão, mas é um passo importante dado pela pessoa que quer perdoar e não sabe por onde começar.

Mas e aquelas pessoas que insistem em dizer que não irão jamais perdoar? Você pode ajudá-la levando para uma sessão, afim de restaurar o seu organismo das consequências geradas pelo ato de não perdoar, e de forma insconsciente ela sentirá um estímulo para o perdão.

finalizamos com Shakespeare: “Guardar uma mágoa é como tomar um copo de veneno e torcer para que o seu agressor morra.”

Se ajudou você, e se você lembrou de alguém que precisa perdoar, compartilhe esse texto com ela

Se conhecer alguém que resiste em perdoar, ajude-a levando para uma sessão de Microfisioterapia.

Ajudar aos outros é a maior atitude de Contribuição e sentimento de Gratidão.

pedão

 

No Comments

Post a Comment